sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Análise Fighting Force 64



Título: Fighting Force 64
Desenvolvedora: Core Design
Distribuidora: Crave Entertainment
Ano: 1999
Gênero: Beat’m Up
Número de jogadores: 1-2
Método de salvamento: Controller Pak/Password
Compatível com Rumble Pak




Beat’m up foi um dos gêneros que foi bem popular na era 8 e 16 bits, dentre os clássicos como Double Dragon, Final Fight e Street of Rage, porém com a 5ª geração de consoles, esse gênero, assim como os outros, teve que se adaptar à nova geração, esse primeiro momento de transição é o mais difícil.

Hoje falaremos um dos únicos Beat’m up do N64: Fighting Force 64 (o outro eu deixarei para outra oportunidade). Será que Fighting Force 64 é uma prova que esse gênero poderia ter sobrevivido na era 3D?

Nos anos 90 era muito comum ter dispositivos que nos permitiram trapacear nos jogos, como o popular Game Genie para o NES, com esses aparatos os jogadores inseriam códigos que o davam vidas infinitas, invencibilidade, pular níveis, power ups e dentre outros, muitos dos games antigos são conhecidos por serem difíceis então tem um "cheat device" era algo muito bom.

O N64 teve o seu, o nome desse aparato é: GameShark!

Hoje vamos conversar um pouco sobre o GameSark (GS) e as suas funcionalidades que estão além de inserir códigos.

AVISO: As imagens a seguir são fortes!
Veja-as por sua conta em risco!

Esse post eu já havia escrito a meses atrás, só não o postei antes por puro preguiça.
Eu atualizei ele antes de postar, então terá informações novas e 'interessantes'.
O objetivo do blog não é incentivar a pirataria, só estamos analisando o acessório.


A primeira análise que se tem desse acessório aqui no blog é meio injusto (pode se dizer, apesar de nem análise aquilo é), muita gente que leu, e no final ou não gostaram muito ou concordaram. Acho que está na hora que escrever um texto definitivo sobre esse flashcard e explicar um pouco mais sobre ele.

Como vocês puderam notar no meu texto de dicas para coleção de N64, eu tenho o ED64 Plus. Eu comprei ele no MercadoLivre (ou devo dizer, Facada-nas-costas-livre, um dia poderemos gravar um podcast sobre), eu até achei ele meio caro na época (o preço atual dele no mesmo site é incomparável), eu analisei bem os prós e os contras antes de comprá-lo, para falar a verdade adquirir um desses dependerá do seu objetivo com o N64.

Deixando os motivos de lado, vamos falar sobre ele.

Mais um post de utilidade pública, dessa vez vamos te ajudar na identificação dos cartuchos de Nintendo 64.

Será um artigo um pouco longo e com muitas imagens.

Como todos devem saber, na label frontal dos cartuchos de N64 tem um código (exceto nos cartuchos nacional), esse código é único de cada jogo, um exemplo disso:

(Clique na imagem para aumentar)

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template