segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Review: Rush 2: Extreme Racing USA

Postado por | 13:26:00


Olá amigos do blog, sou Paulo Forster e retorno às atividades trazendo mais um review para o blog. Desta vez, falaremos da continuação de San Francisco Rush (review se encontra no menu à esquerda).

Rush 2 "O que era uma salada simples, ganhou tempero"
Um ano após o lançamento de San Francisco Rush, em Novembro de 1998 a Midway Home Entertainment apresenta a continuação de um game que foi sucesso em vendas e recebeu boas críticas no ano de 1997. Rush 2 em resumo, teve como objetivo corrigir algumas imperfeições, o que era de se esperar numa primeira versão e atender algumas demandas da crítica deixando o jogo ainda mais atrativo, tanto para jogadores da plataforma, quanto para o mercado de fliperamas que estava a todo vapor nesta época.

Este é um jogo que dispensa apresentações, pois é muito parecido com o primeiro, por isso recomendo bastante que seja lido a review da primeira série e jogada, para que assim possa proseguir e absorver melhor nessa leitura, a não ser que não haja interesse ou já tenha conhecido os jogos dessa série previamente.

Se a intenção do jogo não era surpreender com mudanças radicais, mas conforme título que sugerimos, apenas temperar a comida pra deixá-la mais apetitosa, pode-se dizer que a Midway realizou um bom trabalho, falemos mais a respeito.



Pela foto acima, o leitor mais descuidado, pode facilmente confundir-se com o anterior San Francisco Rush 1, e isso é totalmente aceitável, não houveram melhoras agudas nos gráficos, que na minha opinião já tinham um padrão realmente aceitável para Nintendo 64, mas evidentemente num próximo lançamento da série, a Midway deveria fazer mudanças sérias nos gráficos, ou a crítica seria bastante aguda apesar das sensíveis melhoras.

Algo que não estamos sensíveis olhando a imagem acima por motivos óbvios, mas podemos discutir um pouco, é sobre o som, que foi uma das grandes críticas que realizei da primeira versão pela pouca compatibilidade com a proposta do jogo. Felizmente a Midway estava atenta e tratou de oferecer temas mais agradáveis e compatíveis com a proposta do jogo.



Falemos enfim, sobre os grandes diferenciais dessa versão diante da antiga, podemos salientar como pontos bastante agraciados pela crítica por exemplo o número de veículos disponíveis, cerca 20, além de 10 pistas novas, com uma secreta. A jogabilidade melhorou consideravelmente, permitindo maior rigor no controle do veículo, e o lançamento de um sistema que recompensa acrobacias realizadas com o carro foram bastante válidas também.

Não podemos encerrar a revisão, sem falar de algo bastante característico dessa série: a busca incessante pelas chaves!!!

Foi um recurso devidamente trabalhado, há chaves em todos os lugares, algumas bem desafiadoras em ser coletadas permitindo o desbloqueio de veículos, áreas e novas trapaças. Com certeza é algo que vai lhe despertar atenção e deixá-lo ocupado por bastante tempo.


Há outras novidades como o modo Stunt Track, entretanto, mais do que falar do tempero, melhor é prová-lo na comida, portanto espero que vocês degustem bastante e venham nos dizer se gostaram do prato oferecido.

Bom apetite!


Nota: 8.5/10

Observação: Levemente superior a antiga versão, todavia, consideravelmente mais gostoso, embora, numa continuação da série, é necessário cuidado para que esse prato tão apreciado não cause azia.


Compartilhar este artigo
Google ( 3 )

Comentários ( 3 )

  1. Weire escreveu:
    3 de janeiro de 2011 15:49
     

    Porra esse jogo era mto irado !

    Me lembro uma vez q tinha uma nota ($ dinheiro do jogo)flutuando lá na casa do caraio , eu fui acelerado , bati numa rampa , vuei rodando o carro, já tinha até saído da parte da corrida q eu tava e eu consegui pegar a nota =]

    FUCK YEA

  2. Rubens escreveu:
    3 de janeiro de 2011 20:34
     

    Porra, essa Review me deixou com fome manolo xD.
    Já tive o 1, curtia pra caralho. Já baixei essa versão pra emulador. Gostei demais. Nunca mais joguei pra deixar as surpresas pra quando tiver o cartucho. Outro que me deixou de queixo caído foi o Rush 2049: Oh Loko, akele fode o cu do palhaço. Mal posso esperar para tê-los =D

  3. Paulo Forster escreveu:
    4 de janeiro de 2011 12:54
     

    uHAUHAUHAAHUA que bom que curtiram o game, e Rubens, realmente se esforce e e jogue no nintendo 64, a diferença entre emulador e o console, é gritante. Abs

Postar um comentário

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template