quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Nova analise do ED64 Plus

Posted by | setembro 20, 2017

Esse post eu já havia escrito a meses atrás, só não o postei antes por puro preguiça.
Eu atualizei ele antes de postar, então terá informações novas e 'interessantes'.
O objetivo do blog não é incentivar a pirataria, só estamos analisando o acessório.


A primeira análise que se tem desse acessório aqui no blog é meio injusto (pode se dizer, apesar de nem análise aquilo é), muita gente que leu, e no final ou não gostaram muito ou concordaram. Acho que está na hora que escrever um texto definitivo sobre esse flashcard e explicar um pouco mais sobre ele.

Como vocês puderam notar no meu texto de dicas para coleção de N64, eu tenho o ED64 Plus. Eu comprei ele no MercadoLivre (ou devo dizer, Facada-nas-costas-livre, um dia poderemos gravar um podcast sobre), eu até achei ele meio caro na época (o preço atual dele no mesmo site é incomparável), eu analisei bem os prós e os contras antes de comprá-lo, para falar a verdade adquirir um desses dependerá do seu objetivo com o N64.

Deixando os motivos de lado, vamos falar sobre ele.

Um cartucho que vale por todos os jogos

A versão que eu uso é uma versão que não é necessário colocar o cartucho em cima (acho que é dai que vem o nome 'PLUS'), antes disso era necessário para usar o chip CIC (que era, resumidamente, a forma como a Nintendo fazia para impedir a pirataria e aplicar o bloqueio de região)  para poder enganar o videogame, sendo assim já vem com um chip pré-instalado, o que o torna ainda melhor. Atualmente, a "versão mais recente" é aquele que o topo do cartucho é reto (a diferença é só na aparência).
(Atrás desse adesivo prateado está o CIC do ED64)

O seu sistema é baseado na primeira versão do Everdrive 64, o que pode parecer primitivo à primeira vista, só que a compatibilidade é enorme, quase todos os jogos funcionam nele (diferente do Snes, o N64 não usa chips especiais), exceto raras exceções (como o Banjoo-Tooie e Jet Force Gemini, perceberam o padrão?), e isso é facilmente solucionado, basta encontrar o patch que remove o bloqueio de pirataria e pronto!

Para os games que salvam na bateria interna ou usar um chip especial para tal (como o EEPROM ou mesmo o Flash RAM de 1Mbit que é o mais foda na era N64), será necessário apertar e segurar o botão reset por 3 segundos, após isso, voltará para o menu do sistema. Eu sugiro você entrar logo em seguida no game para ter certeza que está salvo, como precaução extra copie o save para o seu Pc.

Para os outros games que usam Controller pak para salvar, ainda será obrigatório o uso do mesmo. Existem 19 games no N64 que não possuem nenhum tipo de método de salvamento, para esses não têm jeito mesmo (aqui no blog tem um post falando detalhadamente sobre o Controller Pak).

Algo legal é a possibilidade de trocar o papel de parede do menu, ou mesmo, criar o seu e usá-lo, não vou entrar em detalhes aqui sobre isso, mas poderei postar um tutorial sobre no futuro (para baixar wallpapers, clique aqui). E não se esqueçam que com o Ed64 é possível fazer o esquema de tirar o Anti-aliasing dos games (conforme eu explico nessa postagem).

Infelizmente, o ED64 Plus não tem uma opção de GameShark, o que vou implementado nas versões seguintes do Everdrive 64.

A Alternativa salvadora

Agora, se você quer ir um pouco além, você pode usar o Alt64, que é um sistema open-source (livre para desenvolvimento), que serve como sistema alternativo para o Everdrive, porém que também funciona no Ed64. A principal vantagem de usar esse sistema é que você poderá jogar os ports dos games do 64DD. Isso mesmo!!! Agora é possível com o Ed64 Plus!!! Ou seja, você poderá aproveitar o F-Zero X Expansion Kit em inglês e sem precisar do 64DD!!! (A análise do Rubens desse game usou justamente um Ed64 Plus, clique aqui para ler)
(O menu do ALT64, repare na opção Tv)

O Alt64 também tem uma opção de GameShark (que eu nunca consegui usar, provavelmente só deve funcionar no Everdrive) e foi o único sistema que conseguir fazer o emulador de NES funcionar (não conseguir fazer funcionar no OS padrão do Ed64 Plus, eu não sei o motivo, tem pessoas que conseguem isso no OS padrão sem problema).
(A emulação do NES é bem decente, por incrível que pareça)


Outro diferencial do Alt64 em relação ao OS padrão do Ed64 é que ele tem mais uma opção de "Tv mode", o M-Pal, ou se preferir, o Pal-M (Leia mais no Wikipédia), que é o sistema que usamos no Brasil. Com isso, você poderá forçar a compatibilidade com o game e console (de imagem, claro!), caso o seu N64 seja um nacional que tenha sido transcodificado para Pal-M. Isso ajudará, principalmente, as pessoas que ainda jogam o N64 em Tv's de tubo e com os games que são de "alta resolução".

Só lembrando que o Ed64 não é suportado oficialmente pelo Alt64 (de acordo com o autor, eles não gostam do Ed64 por ser um clone do Everdrive, ou seja, pirataria ['da pirataria'] ¬ ¬ ... hipocrisia a parte), outro ponto importante é que o Alt64 foi abandonado, ou seja, não terá mais atualizações. Por último, a troca de wallpaper é mais difícil e não é tão conveniente.


E por último, o ALT64 tem a opção de poder usar as capas da ROM, algo que para algumas pessoas é excelente.

[Update] Existe uma versão do ALT64 que o criador implementou uma medida de segurança contra o Ed64 onde não é possível salvar, o criador nem saber qual versão é essa, então tome cuidado quanto a isso e evite usar as versões mais recentes do ALT64.

Download ALT64 e outros arquivos para o FlashCard.

Alguns detalhes

Tanto no OS padrão quanto no ALT64 foi possível eu jogar as ROMs hacks, ports e traduções, como por exemplo o port de Doom para N64 (não Doom 64, sim o Doom de Pc), emuladores (como um emulador simples de Mame), os jogos do Aleck 64, como a tradução do Sin & Punishment e o mais recente hack do N64 Goldfinger. Assim, se você quer usar o Ed64 para jogar isso, é perfeitamente possível.

(Com o ED64 é possível jogar o mais recente hack Goldfinger 64)

Além disso, existem alguns "apps", eu testei uma pequena parcela deles, alguns deles são bem úteis como gerenciador do Controller Pak e teste do analógico (o ALT64 já tem um aplicativo desse por padrão no sistema). Outros são somente demos e "besteira" (e quando digo besteira, eu quero dizer besteira mesmo).

Conclusão

Antes de comprar o Ed64 Plus, eu sugiro que você reflita e veja se realmente vale a pena ou não para você, no meu caso, onde não tenho o objetivo de ter todos os games de N64, o Ed64 Plus é ótimo (além de permitir que eu jogue o port fiel do Doom [PC] no N64 e os games do Aleck64).

(Sim, é possível jogar os jogos do Aleck64 e Doom)

E o meu veredito é: Vale a pena comprar o Ed64!(com ressalvas) Principalmente, se a única coisa que você quer fazer com o seu N64 é jogar sem se preocupar com coleção. Agora, se você quer algo melhor do que o Ed64, corra atrás do Everdrive 64, a versão mais recente até consta com uma bateria o que permite o Flashcard salvar os games automaticamente sem necessitar apertar o reset e tem GameShark embutido.

[Update] Aparentemente existe um erro que pode acontecer com o Pokémon Stadium 2, que com o tempo o save pode se corrompe, isso foi corrigido no Everdrive 3.0, então esse erro acontece tanto na primeira versão do Everdrive quanto no 2.5, consequentemente, isso acontece no Ed64 Plus também, então já fique de sobreaviso que talvez você não seja capaz de salvar o Pokémon Stadium 2. Você pode ler mais sobre isso nesse post no forúm do Krikzz (em inglês)
(Infelizmente Pokémon Stadium 2 tem esse problema com o save e só poderá funcionar apropriadamente no Everdrive 3.0)


Vantagens
  • Compatibilidade alta
  • Permite trocar wallpapers
  • É possível usar o ALT64
  • Jogar ROMs hacks, Ports e apps
  • Mais barato que o Everdrive
  • É possível jogar os games do 64DD (mas não salvar)
  • É possível usar o emulador de NES
Desvantagens
  • Possui os mesmos problemas que a versão 1.0 que o Everdrive tinha
  • É necessário usar patch para poder jogar Donkey Kong e Banjoo-Tooie
  • Não é possível usar GameShark ou auto-patch
  • Ainda é necessário apertar o reset para salvar o progresso
  • Apresentará problemas para salvar o Pokémon Stadium 2
  • Não terá atualização de software (tanto no OS padrão quanto no ALT64)
  • Não é possível usar o ALT64 em todo o seu potencial
E vocês? Já tem o Ed64? O que acham dele? Pretende comprá-lo?
Comentem aqui embaixo.

Nos acompanhe em nossas outras páginas: YouTube e Facebook e Instagram.


Compartilhar este artigo
Google ( 10 )

Comentários ( 10 )

  1. Leonardo Mota escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Aaaahhh, aí sim, vou tentar e depois te digo se funcionou, muito obrigado, abraço.

  2. Alexandre Viana escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Para jogar no emulador, você tem que fazer essas alterações:
    Project 64 1.6
    Recompiler
    Change Memory & Cache
    8 MB
    Advanced Block Linking Off
    Use First Used Save Type
    Larger Compiler Buffer
    Register Caching
    Use TLB

  3. Ulisses 8 Bits escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Esses cartuchos são lindos, quem poderia imaginar uma maravilha dessas lá nos anos 90, mas hoje é possível! Depois dos emuladores, esses cartuchos foram uma bela descoberta! Principalmente no 64 que tem jogos chatos de emular.

  4. Leonardo Mota escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Olá, blz, td certo, eu não especifiquei, seria pra rodar no emulador mesmo, não se pq ele não abre de jeito alg, abraço.

  5. Marcos Zelante escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Obrigado Alexandre, valeu a dica, vou ver se encontro.

  6. Alexandre Viana escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Oi, Marcos!
    Valeu cara!

    Na verdade, o ED64 Plus é vendido sim no Ali Express, mas é mais difícil de se encontrar, aparentemente eles não podem colocar nomes como "ED64 Plus" ou "Flashcard", acho que eles colocam algo do tipo "Custom game" ou algo parecido! Eu vi um esse mês mesmo!!!
    Se eu ver novamente te dou um toque...

    Essa semana mesmo eu vou postar uma análise, ou amanhã ou sexta!

  7. Marcos Zelante escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Ótimo post, tá aí um acessório q eu gostaria de ter, más ainda não deu. Não estão vendendo mais no Aliexpress, só no Facada Livre. Adoraria poder jogar no próprio console as Rom's dos jogos que não se encontra em cartuchos originais e também aqueles jogos que apenas sonhamos um dia possuir. Sem falar de jogos cancelados como o "40 Winks". Por que, jogar no emulador, com aquele controle USB safado, dá até desgosto.
    Obs. Por favor, façam mais avaliações de jogos.
    Um abraço.

  8. Leonardo Mota escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Ótima análise, parabéns, agora tenho uma sugestão/pedido, faça um tuto mostrando com ousar esse Goldfinger, pois lembro que já tentei umas duas vezes e nunca consegui, abraço.

  9. Rubens Vilela escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Excelente análise. Realmente a outra não tinha feito justiça.
    Só alguns pontos que percebi pela minha experiência: Pokémon Stadium 2 realmente corrompe tanto o save quanto o próprio jogo, mas se deixar a opção de salvamento desativada dá pra jogar sem problemas, claro que sem salvar.
    É possível também salvar os jogos de 64DD, basta esperar uns 10 minutos (tempo literal) depois que resetar.
    Parabéns pelo post.

  10. Alexandre Viana escreveu:
    23 de setembro de 2017 14:23
     

    Fala, Leonardo! Tudo bem?

    Muito obrigado, estamos aqui para trazer esse conteúdo e poder ajudar todos.

    É simples, só precisa seguir dois passos para jogar o Goldfinger:
    - Ter o Expansion Pak (é obrigatório, sem ele não vai iniciar)
    - Antes de entrar no game, apertar o "R" ou "L" e mudar o tipo de save para 4Kbit (se não fizer isso, não salvará).



    Entendeu? Eu posso depois escrever algo sobre para deixar mais explicativo.

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template