sábado, 31 de março de 2012

Review: Robotron 64

Posted by | março 31, 2012


Quem aqui se lembra daquela sessão de posts do nosso saudoso (e infelizmente inativo) Paulo Forster, em que ele denominou de As 5 grandes Mer...as do Nintendo 64? Pois bem, aqui está um jogo que tem potencial para entrar na lista das grandes porcarias do Nintendo 64.

Distribuído pela Midway, Robotron 64 é uma continuação do Robotron 2084, lançado originalmente para Atari 2600 e para os arcades. Logo de cara, o que o jogo deixa parecer, é que ele os caras queriam manter a jogabilidade e a essência original ao jogo de N64. Mas infelizmente, o jogo estava ultrapassado em relação aos jogos lançados na mesma época.

O jogo se passa no ano de 2084, e grande parte da humanidade foi extinta por exércitos de robôs. Cabe a você, o garoto propaganda da
Farofa Pinduca, salvar os humanos remanescentes da terra e exterminar os robôs.

Jogabilidade


A jogabilidade é bastante simples. Você está em um tabuleiro e precisa atirar nos robôs que vêm em sua direção. Analógico anda e os botões C atiram. Você pode ganhar pontos salvando os humanos que aparecem dando um rolê pelo tabuleiro.

A tentativa de criar um jogo fiel ao original de Atari é tanta, que os desenvolvedores abriram mão de criar um cenário aberto para fazer o formato de tabuleiro com as limitações de deslocamento da tela de Atari.



Gráficos e Sons
Talvez a parte que matou o jogo. Tudo é feito na má vontade, gráficos poligonais, câmeras limitadas, cenários inexistentes, inimigos pouco variados... No decorrer das fases a confusão visual é tanta que você pode se perder na tela.

Quanto aos sons do jogo, a simplicidade e a falta de boa vontade se repete, as músicas são remixes das do Atari 2600. Os sons são repetitivos e enjoativos, não jogue esse jogo se sofrer de epilepsia e ritma cardíaca!


Diversão
Bem, apesar de todos os defeitos descritos acima, pode acreditar, talvez ainda você pode se divertir. Eu consegui me divertir. É só desligar seu radar crítico e mandar ver na robozada. Se a sua exigência por jogos excelentes não é tão alta, pode ser uma boa pedida pra dar umas risadas. Só não espere muito dele...


Compartilhar este artigo
Google ( 9 )

Comentários ( 9 )

  1. Anônimo escreveu:
    1 de abril de 2012 14:17
     

    A 3ª foto dá medo O_O

  2. Tassio Bruno eEUcomISSO escreveu:
    3 de abril de 2012 13:49
     

    master, mais uma ótima review cara! mas vixee, esse game dá meedo! abraços!

  3. Alan Borges escreveu:
    3 de abril de 2012 21:57
     

    Cara o pior é que eu continuo jogando essa merda, confesso, tô viciado, hahaha

  4. Tassio Bruno eEUcomISSO escreveu:
    3 de abril de 2012 22:27
     

    vixeee...dorgas mano!rsrs abraços boss!

  5. Suicune escreveu:
    4 de abril de 2012 22:34
     

    Pra mim, esse é o pior jogo do N64!!!! Nem Superman 64 é tão ruim!!!

  6. Anônimo escreveu:
    4 de abril de 2012 22:45
     

    Eu também acho q o Superman 64 seja o pior jogo do N64,acho o Carmageddon 64 e o Dual Heroes beeeeeeem pior!

    O pessoal reclama que no Superman 64 é difícil passar os anéis,mas no Carmageddon 64 é tão mal programado q é quase impossível virar o carro corretamente.

    E o Carmageddon 64 foi apenas distribuído pela Titus,o desevolvedor(o verdadeiro criador do jogo) foi um tal de Software Creations.

    Geralmente,quando o jogo é distribuido e desenvolvido pela Titus,os jogos não são tão ruins e tem alguns bons como o Roadsters e o Virtual Chess 64.

  7. Anônimo escreveu:
    10 de abril de 2012 15:40
     

    Esse jogo não eh tão ruim assim!A apresentação,os gráficos e a música podem ser ruins,mas o gameplay dele nao eh apenas ótimo mas ao mesmo tempo eh viciante,deixando o jogador voltar a jogar varias vezes.

    Aliás,gostaria de que algum dia tenha algum review do California Speed,um jogo de corrida Arcade q acho q fez pouco sucesso aqui no Brasil.Talvez porquê o Arcade, q nem o Cruis'n USA,nao era tao bom e a versão de N64 era pior ainda.

  8. Danilo Mendes escreveu:
    12 de abril de 2012 21:35
     

    Já joguei esse jogo ai no 64, na boa, é tão ruim e vicia mesmo !! Passava horas jogando ele, tenho suspeitas que ele tenha algo subliminar no polígonos para se tornarem tão viciantes, pq o jogo é ruinzinho mesmo... rsrs

  9. Rodolfo Vigarista escreveu:
    29 de setembro de 2012 14:47
     

    Eu tenho esse jogo, e to tão viciado que não consigo ficar um dia sem jogar, é até uma coisa paranormal

Postar um comentário

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template