terça-feira, 11 de janeiro de 2011

V64 Jr: Quando a Bung Deu o Troco

Posted by | janeiro 11, 2011

Olá amigos do blog, cá estamos pra fazer um post mais Old School, trazendo de volta a sessão "Acessórios", que ultimamente anda meio abandonada. Hoje vamos falar do V64 Jr, um dispositivo de backup de jogos desenvolvido em 1999 para o Nintendo 64 pela Bung, uma empresa especializada em desenvolver acessórios de backup.

O V64 Jr é o sucessor do Doctor V64, que foi outro dispositivo de backup desenvolvido pela Bung. O Doctor V64 era conectado na entrada EXT do console. Como estratégia de evitar a pirataria, a Nintendo passou a fabricar consoles com a entrada EXT mais estreita, impedindo a entrada do Doctor V64 no console. A solução da Bung para esse problema foi a criação do V64 Jr, que consistia em um circuito encapsulado em forma de cartucho que poderia ser conectado na entrada de cartuchos do console, fazendo o seu manuseio mais rápido e prático.

O V64 Jr possui entrada para o cartucho que será copiado, e uma porta paralela para comunicação e transferência de jogos para um PC. O aparelho tem suporte para Roms no formato DRAM. Entretanto, para fazer o seu funcionamento, ele precisa de seis pilhas AA.

Foram lançadas duas versões do aparelho, uma com 256 Mb de espaço, e outra com 512 Mb. O V64 Jr. foi o último dispositivo de backup desenvolvido durante a vida útil do Nintendo 64. O fim da produção do acessório se deu depois de um desgastante processo que envolveu a Bung e a Nintendo por direitos autorais do console e dos jogos.


Compartilhar este artigo
Google ( 8 )

Comentários ( 8 )

  1. Lukas the Gamer escreveu:
    11 de janeiro de 2011 15:12
     

    Graças a esse e outros troços que hoje temos a Emulação! Fodam-se os direitos autorais, eles só existem pelo capitalismo. ¬¬

    Músicas, games, programas... todos deveriam ter acesso gratuíto a tudo, porra! Eu ainda vo dar um jeito de hackear a internet toda e tirar tudo que seja pago. Disponibilizar tudo de grátis pra quem quisesse ter, e claro, na melhjor qualidade e velocidade possíveis. Nada de "premium pra ter + valocidade, menos propagandas...".... coisa chata....

    Anotem ae, mesmo que seja com um nick totalmente novo e desconhecido, quando tudo tiver disponível de grátis na net, serei eu, e o Chapolin Colorado!

  2. Alan Borges escreveu:
    11 de janeiro de 2011 18:10
     

    Concordo contigo LLL, se houvesse internet livre, a cultura seria muito mais difundida para as classes menos favorecidas. Estou contigo na luta, man!

    PS: Esse post foi Old School mesmo! Tivemos até o LLL como primeiro comentador!!!

    xD

  3. Matheus Bovo. escreveu:
    11 de janeiro de 2011 21:59
     

    É aquela frase: ''É ilegal,mas é bem legal''

  4. Weire escreveu:
    12 de janeiro de 2011 03:03
     

    Aew Alan Borges , lugar errado , mas olha essa propaganda (contendo N64):

    http://www.youtube.com/watch?v=VJwFUNHtCJQ&feature=related

    rsrsrs , flwz !

  5. Gustavo escreveu:
    14 de janeiro de 2011 20:14
     

    ótimo post, ja tava sentindo falta desses acessórios de N64.

    PS: tomara que nunca acabe, rsrsrsrrs.

  6. Anônimo escreveu:
    27 de janeiro de 2011 23:07
     

    Tenho exatamente este modelo com uns extras, DS1, DX256 etc. Se alguém se interessar. É raríssimo. Muito utilizado para desenvolver games também. Deixar e-mail para contato aqui. Abraços.

  7. Anônimo escreveu:
    27 de janeiro de 2011 23:07
     

    Esqueçi de falar o preço. Quero 500 reais nele com todos os acessórios. []s.

  8. José Marlon escreveu:
    8 de agosto de 2011 18:51
     
    Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template