quarta-feira, 21 de julho de 2010

Review: Top Gear Overdrive

Posted by | julho 21, 2010


Olá pessoal, essa é minha primeira postagem aqui, e vou começar revisando e comentando esse jogo que é, digamos, a sequência para Top Gear Rally.
Bem, eu não sei se Top Gear Overdrive entra no hall das grandes M***das do N64, mas chega perto.
Foi desenvolvido pela Snowblind Studios (quem?) e publicado pela Kemco, a mesma que publicou os outros jogos da franquia.


Graficos: Esse é um quesito que nosso amigo de hoje se sai bem. Os fundos são muito reais, (os melhores que já vi para a geração) as texturas são bem feitas, os reflexos de luz no carro dão um toque bem legal. Também há a opção de se jogar em alta resolução, se você tiver um Expansion Pak, além da meia resolução, que ao meu ver é a alta, porém com a tela reduzida, como se fosse um widescreen.
Enfim, um jogo bom de se olhar, mas será que é bom de se jogar também?




Gameplay e Características: Se falarmos de controle, é o básico e comum; Aceleração, freios, nitro. Você pode utilizar câmbio automático ou manual, o segundo é bem estranho de se usar, já que um unico botão troca as marchas pra cima e para baixo.

Só existem dois modos de jogo, (um pior que o outro) o Champoinship, e o Versus.
O primeiro é o modo de campeonato mais estranho que já vi, é dividido em seis estações, começando com tres pistas e aumentando sempre uma a mais a medida que passam as estações, sempre no fim, depois de passar por todas as outras mais uma vez.
A unica diferença entre as estações é que as pistas
variam a hora do dia e a estação em si (inverno, verão, outono e primavera).
Isso torna o jogo muito repetitivo, pois são apenas 5 pistas
(imagina... só 5 pistas) variando entre dia, noite e "temperatura".
Há uma pista Bonus chamada Space Truckin', que é no espaço, é a unica coisa que se abre além dos carros que você compra ao longo do campeonato, e alguns que abrem depois que você termina o jogo.
Os carros são basicamente modelos que já existem, porém, por licença eu presumo, nenhum deles tem nome, mas é possível identificá-los. Alguns são: Volkswagen Beetle, Ferrari F40, Porsche 911 Turbo, Entre outros.

Entre os carros bonus estão um logo do N64, um Carro Nintendo Power, uma salsicha, Etc.



O modo Versus é como se fosse um Quick Play. Você escolhe quantos jogadores participarão (de um a quatro), quantas voltas para o fim, e a pista. Ficam disponíveis as pistas que você já passou, com exceção da pista bonus, mesmo se você tiver terminado o jogo.





Som: Todas as músicas são tocadas por uma unica banda, Grindstone, o que fica bem estranho, porque todas as músicas são parecidas, é como sertanejo, dizem que é outra musica mas na verdade é a mesma coisa! a unica diferente é uma chamada Mir.
Foi uma péssima ideia fazer isso, o jogo já repetitivo em um termo, se torna repetitivo em outro.
Os efeitos são bem simples, o som dos carros é muito sintético, o som do nitro parece mais uma chiadeira.

Overall: Top gear Overdrive é um jogo bonito de se olhar mas que dá sono após 10 minutos de jogatina. Som repetitivo, poucos efeitos e pistas repetitivas. Confesso que me decepcionou por não ser tudo aquilo que seus antecessores foram. Os 60 reais que paguei nele poderiam ter sido melhor gastos. mas não me arrependo, mais um para a coleção. xD

É isso ae gente. Por hoje é só. Tá bom pro começo não é?
Obrigado e aguardem que logo logo estou de volta.


Compartilhar este artigo
Google ( 12 )

Comentários ( 12 )

  1. Eder escreveu:
    21 de julho de 2010 15:11
     

    "Entre os carros bonus estão um logo do N64, um Carro Nintendo Power, uma salsicha"... bizarro o_O

  2. Rubens escreveu:
    21 de julho de 2010 15:25
     

    é q eu não mencionei o pastel_ hsauahasu

  3. Alan Borges escreveu:
    22 de julho de 2010 10:33
     

    hauhauhahauhauha

    nunca joguei, mas eu achei a capa maneira
    xD

    Mas, tipo, são vários jogos que possuem pistas rpetitivas, uma lástima

  4. Jorge Guilherme Lopes escreveu:
    22 de julho de 2010 23:35
     

    Um ponto positivo no jogo é que é possível escolher qualquer cor para o seu carro. Isso mesmo, QUALQUER COR. Coisa que eu não ví em outros jogos de corrida para N64.

  5. Anônimo escreveu:
    26 de maio de 2011 22:12
     

    Kra, na minha opinião este é um dos melhores jogos do N64, principalmente se o quesito for corrida. Ainda mais porque foi um dos primeiros jogos do N64 a terem músicas tocadas, nos sendo um trunfo para rebater os fãs de playstation 1 sobre o N64 não ter músicas cantadas. E outra, colocar Shadowman e Doom 64 como possíveis merdas do N 64, é, além de não entender de games, não merecer ter um blog deste videogame. putz

  6. Anônimo escreveu:
    31 de maio de 2011 14:01
     

    esse é um dos melhores jogos de corrida que eu vi para o n64, eu não sei quem foi o que escreveu essa review mas sei que o pobre coitado não sabe fazer isso.
    E nem sabe diferenciar musicas, elas são diferentes.
    Mas se tem quem acha que é tudo sertanejo. os sons não são ruins pra epoca.
    Em fim essa review foi mal feita por alguém que nem sabe o que fala e muito menos fazer reviews.
    Top gear overdrive é um bom jogo (pra aquela época) e não é repetitivo. os sons não são ruins pra epoca.

  7. Anônimo escreveu:
    16 de agosto de 2011 19:23
     

    nusss cara...esse jogo é mto bom! o uns dos melhores do N64. e as musicas são legais tem tudo a ver com o jogo!

  8. Edmilson escreveu:
    9 de setembro de 2011 00:41
     

    O jogo é bom sim e falar que é uma das grandes merdas do n64 prova que quem fez esse review não intende nada de jogo. Falar que sertanejo é tudo igual é porque você nunca escutou, você deve de ser um desses filhinho de papai roquero, que cresceu mimado e escutano roque. Então respeita nois caipira pobre e não vem falar mal da nossa musica seu roquero de merda.

  9. Anônimo escreveu:
    23 de setembro de 2011 14:29
     

    sertanejo é musica pra viadinhos e só gays escultam

  10. Rubens escreveu:
    15 de outubro de 2011 21:59
     

    Pessoal, isso é questão de opinião. a questão é que joguei uma semana desse game e já me enjoei. Entendo de games sim, e muito mais de música. É que a trilha sonora inteira tocada por uma banda só e ainda com a 'voz' marcante que o vocalista tem, enjoa sim. É claro q não mencionei a evolução que isso foi. É pq tinha pago caro nele ainda por cima. Se fui cruel com ele, é pq além de tudo, já joguei jogos de corrida melhores, com mais desafio, o q acho q mais faltou nele. Gosto dele também, mas para revisar algo, vc tem que ser sincero. Não posso mentir a ninguém. E EU NÃO GOSTO DE SERTANEJO. Não mesmo. Gosto de rock, disse repetitivo, não disse ruim.

  11. Anônimo escreveu:
    7 de janeiro de 2012 02:18
     

    Sertanejo é musica de viados e mães...

  12. Anônimo escreveu:
    19 de agosto de 2012 23:40
     

    O edimilsson seu bosta eu concordo com vc q o jogo é ótimo mais o bang do roque nao vem fala c nao eu te dou uma facada na nuca seu fdp esccroto pau no cu.

Postar um comentário

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template