terça-feira, 13 de julho de 2010

Review: John Romero's Daikatana

Posted by | julho 13, 2010


Daikatana é um jogo de tiro em primeira pessoa (FPS) que foi desenvolvido por John Romero (Pai dos jogos da serie Doom,Quake,Wolf3D,DeusEX,Etc) que usa a mesma engine do QuakeII lançado em 14 de abril de 2000.

Estou aqui dessa vez para dar criticas negativas sobre esse jogo ai.
Originalmente o jogo foi lançado para PC e meses depois portado para Nintendo64 e Game Boy Color.Uma versão para o Playstation estava sendo deselvolvida,mais o jogo foi um fracasso total que obrigou os desenvolvedores a cancelarem a conversão.

1-Gameplay:
Terrivel!
O jogo assim como Doom ou Quake,é dividido em 4 episódios e 24 fases.Com uma pequena diferença da versão do computador algums bugs que estavam foram removidos mais entretanto as altas texturas dos modelos foram removidas para não ficar tão lento.
Por se tratar da mesma engine do QuakeII concerteza para aquela epoca que já possuia engines bem melhores como a do Unreal,Quake III,etc.Mais uma coisa que quando eu estava jogando eu gostei é que quando você usa os digitais para cima e para baixo você pode escolher entre correr ou andar(como se fosse um CapsLock quando estamos jogando no PC)apesar do personagem não correr nada.Uma outra critica negativa é que quando o personagem anda a arma continua parada.


2-Gráficos
Como eu tinha dito no gameplay as texturas são baixas e é bem notavel entre a versão para PC e N64(pois a grande ideia era deixar uma grande quantidade de quadros por segundo)mais uma grande contidade de efeitos fog(neblina)foram adicionados em algums niveis.


3-Som
Por se tratar de um jogo que esta em um cartucho(que possui pouco espaço)concerteza é impossivel conter trilha sonora.Algums efeitos do jogo como som de tiro,explosoes,fundo,etc estão em uma péssima qualidade.Tambem na primeira fase do jogo,os barulhos de trovão parecem mais com um som de explosão.


4-Conclusão
Se você gosta de FPS não vai gostar.O Jogo é muito enjoativo e chato em tudo.Enfim não recomendo aos leitores comprarem um jogo desse tipo.

5-Curiosidades

*Na versão para N64,dois personagems(Superfly e Mikiko)foram creditados,mais eles só aparecem em apenas algumas cenas.
*Na versão para N64,A Espada principal(Daikatana)não pode ser usada como uma arma.
*Na epoca,Romero não possuia uma grande equipe de desenvolvedores para produzirem o game.
*Na capa da versão do N64,possui o selo "Only for Nintendo 64" apesar de já existir o game para PC e Game Boy Color com o mesmo nome.

Espero que tenham gostado da minha segunda Review!
Abraços


Compartilhar este artigo
Google ( 5 )

Comentários ( 5 )

  1. Paulo Forster escreveu:
    13 de julho de 2010 13:22
     

    Muito bom, mas um jogo postado que é uma mer..!

    Na minha humilde opinião, esse jogo ainda consegue ficar acima de alguns que estou postando recentemente. Todavia, esse foi um jogo que pensei muito sobre a possibilidade de postar como uma das 5 grandes merd.. lançadas até hoje.

    Parabens pela review, com certeza contribuirá para que muitos leitores evitem de gastar dinheiro atoa com esse título. Abs

  2. Dmitry escreveu:
    13 de julho de 2010 13:24
     

    hehehe
    Valeu manolo!
    Concerteza o jogo é uma 'mer..'!
    XD

    Abraços!

  3. Paulo Forster escreveu:
    13 de julho de 2010 13:34
     

    haha e eu tava observando, acho que o ano 2000 foi o ANO de lançamento de merdas, é incrível!

  4. Dmitry escreveu:
    13 de julho de 2010 13:34
     

    kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    É,Pior que é isso mesmo!
    XD

  5. LLL escreveu:
    13 de julho de 2010 15:03
     

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    "2000, onde as merd.s se encontram"

Postar um comentário

© 2009-2016 N64 Brasil | Template: Yanku-template